LEGISLATIVAS –  Alternativa Socialista esteve no Gerês e criticou «anel de fogo» em redor do Parque Nacional

LEGISLATIVAS –
Alternativa Socialista esteve no Gerês e criticou «anel de fogo» em redor do Parque Nacional

sdr

dav

sdr

PUBLICIDADE

O cabeça de lista do MAS – Movimento Alternativa Socialista por Braga nas próximas Legislativas, Vasco Santos, esteve esta terça-feira na Vila do Gerês, onde denunciou o «anel de fogo» em redor do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Segundo Vasco Santos, este «anel de fogo» é «composto maioritariamente por eucaliptal, que o Governo está a permitir que se desenvolva ao redor do parque em zonas de pré-parque, bem como a emissão de licenças para caça à cabra do Gerês, animal que após extinção foi reintroduzido, o que transforma o parque num couto».

A campanha do MAS esteve também na feira semanal de Braga, em contacto com a população, alertando para a necessidade do aumento do salário mínimo para 900€ e de um aumento geral das pensões como forma de combater as desigualdades.

«Os salários de quem trabalha são muito baixos e é necessário que o crescimento do país seja devolvido a trabalhadores e pensionistas», defendeu.