ACORDO ASSINADOAmares formaliza acordo para ter Equipa de Intervenção Permanente

ACORDO ASSINADO
Amares formaliza acordo para ter Equipa de Intervenção Permanente

Os Bombeiros de Amares vão passar a dispor de uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP), que vai assegurar, em permanência, serviços de socorro à população amarense, como primeira força de prevenção e combate aos fogos florestais.

Tal como “O Amarense” já avançara na edição em papel, o acordo foi assinado na sexta-feira pelo presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares, José Gonçalves, e pelo presidente da Câmara, Manuel Moreira, numa cerimónia em que foram assinados protocolos para a criação de 75 equipas no país.

PUBLICIDADE

As Equipas de Intervenção Permanente têm a missão de assegurar, em permanência, serviços de socorro às populações, todos os dias úteis, por um período semanal de 40 horas.

Estas equipas são constituídas por cinco elementos e resultam de um protocolo entre a Autoridade Nacional de Protecção Civil, a Associação Humanitária de Bombeiros e a respectiva Câmara Municipal.

O protocolo é válido por um período de três anos e renovável automática e sucessivamente por igual período caso não seja resolvido por qualquer das partes.