AMARES -
Aprovadas medidas excepcionais de apoio às famílias e à retoma económica do Concelho

Foi aprovada na manhã desta segunda-feira, 1 de Junho, em reunião do executivo municipal, uma proposta de isenção excepcional do pagamento dos serviços de abastecimento de água, drenagem de águas residuais e recolha de resíduos sólidos urbanos aos consumidores singulares que iniciaram situação de desemprego ou se encontrem em situação de carência económica comprovada, na sequência da pandemia causada pela COVID-19.

ISENÇÃO DE TAXAS DE OCUPAÇÃO

Na reunião foi também aprovada a isenção excepcional do pagamento das taxas de ocupação na feira semanal (terrado), Mercado Municipal, ocupação de espaços públicos – esplanadas e rendas devidas pelos estabelecimentos comerciais instalados em edifícios/espaços municipais, que se encontrem arrendados ou concessionados, encerrados por imposição das regras de estado de emergência.

PUBLICIDADE

Na explicação da proposta, Manuel Moreira apontou que esta vem «repor alguma justiça» mediante a situação actual.

PEDRO COSTA PEDIU MAIS APOIO PARA AS EMPRESAS

Na discussão do ponto, o Vereador do PS, Pedro Costa, sublinhou que deveria ser criada uma «estratégia de apoio às empresas».

«Julgo que poderíamos ir mais longe, engendrando uma estratégia de apoio às empresas. Temos problemas graves ao nível do emprego no Concelho. Devíamos apoiar mais as empresas neste regresso, pensando numa estratégia para tal».

PROTOCOLO ENTRE BOMBEIROS E MUNICÍPIO

A celebração de protocolo entre o Município de Amares e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares com vista à «concessão de um subsídio extraordinário destinado à comparticipação das despesas com o transporte de cisternas de água nos meses de Junho, Julho Agosto e Setembro de 2019 para reposição dos reservatórios de água municipais» foi outro dos assuntos em destaque.