VALE DO HOMEM (Amares): Associação Empresarial do Vale do Homem (AEVH) entregou diplomas de formação e esclareceu novo Código de Trabalho

VALE DO HOMEM (Amares):
Associação Empresarial do Vale do Homem (AEVH) entregou diplomas de formação e esclareceu novo Código de Trabalho

A Associação Empresarial do Vale do Homem (AEVH), em parceria com a Câmara Municipal de Amares, procedeu, esta terça-feira, à entrega de mais de uma dezena de diplomas aos formandos que participaram em três acções de formação financiada no âmbito do projecto POISE. A sessão terminou com a realização de uma conferência sobre as alterações ao Código do Trabalho, centrada na obrigação da realização de 40 horas de formação anuais para trabalhadores/colaboradores das empresas.

A primeira parte da sessão versou a entrega dos diplomas relativos às acções formativas para activos, dinamizadas pela AEVH junto de activos do tecido empresarial local. Acções relacionadas com “Competências empreendedoras e Técnicas de Procura de Emprego”, “Medidas de Primeiros Socorros com Crianças e Jovens” e “Primeiros Socorros – tipos de acidentes e formas de actuação”. Procederam á entrega formal dos diplomas o presidente da câmara de Amares, Manuel Moreira, e o presidente da AEVH, José Manuel Lopes.

PUBLICIDADE

Um segundo momento, mais dirigido a empresários e empregados/colaboradores, versou as alterações ao Código de Trabalho, em vigor desde o passado dia 01 de Outubro. O técnico conferencista, da AEDL (entidade certificada parceira da AEVH), centrou a intervenção na obrigatoriedade imposta às empresas e empregados pelo novo Código de Trabalho de realização de 40 horas anuais de formação aos activos de cada empresa.

Alertou para o facto da AEVH dispor de um leque alargado de formações financiadas (sem qualquer peso financeiro para empresas), «mais de 800 UFCD que permitem às empresas e colaboradores aumentar competências e proveitos».

[email protected]