BRAGA -
Braga requalifica Parque Industrial de Padim da Graça

A Câmara de Braga vai lançar uma empreitada para a requalificação integral do espaço público do Parque Industrial de Padim da Graça, num investimento de 800 mil euros. A proposta do lançamento do concurso público é votada na próxima reunião do executivo municipal, agendada para 29 de Junho.

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, explica que esta “é uma obra determinante para aquela área industrial que há muito necessitava de uma intervenção de fundo”.

“Esta zona apresenta um estado de degradação preocupante. Decidimos avançar com um investimento substancial no sentido de corrigir todas as patologias identificadas, melhorando as condições de acesso e de trabalho no Parque Industrial”, sustenta, acrescentando que esta “é uma obra que valoriza as empresas e a economia bracarense, reforçando a sua competitividade”.

PUBLICIDADE

Rio lembra que o município, através da InvestBraga e da estratégia ‘+Indústria’, tem vindo a desenvolver planos de investimento e de regeneração das áreas empresariais do concelho vocacionadas para a indústria.

“Os parques industriais com mais e melhores condições ajudam a valorizar o território, contribuem para a fixação das empresas e, desta forma, para a criação de emprego”, salienta o autarca.

Também o vereador das Obras Municipais, João Rodrigues, lembra que o Parque Industrial de Padim da Graça é um” ponto estratégico do concelho, sendo por isso necessário garantir as melhores condições para os seus utilizadores”.

“É com grande satisfação que vemos esta obra a avançar”, refere o vereador.

As más condições de segurança e de mobilidade identificadas e resultantes do estado da deterioração do pavimento, conjugado com o número elevado de utilizadores do parque industrial, “concorrem para a necessidade de realização de uma intervenção de fundo capaz de assegurar o bom estado da via”, acrescenta.

A empreitada prevista para o parque industrial prevê a requalificação total do espaço e o ordenamento de todas as infraestruturas, designadamente ao nível de arruamentos, estacionamentos e passeios, melhorando-se a fluidez do trânsito, que é maioritariamente feito por veículos pesados e com grandes cargas.

A obra inclui ainda a instalação de novas infraestruturas eléctricas, mais modernas e eficientes, a reformulação e colocação de nova sinalização, a intervenção na drenagem de águas e o arranjo de vários muros.