EDIÇÃO IMPRESSA – Câmara de Amares indignada e revoltada com corte de árvores em Lago

EDIÇÃO IMPRESSA –
Câmara de Amares indignada e revoltada com corte de árvores em Lago

A Câmara de Amares ficou «indignada e revoltada» por a Infraestruturas de Portugal ter abatido várias árvores junto ao Centro Escolar do Vale do Cávado, em Lago, «sem dar conhecimento» à autarquia. Numa das últimas reuniões de Câmara, Manuel Moreira deu a conhecer um documento remetido pela Infraestruturas de Portugal, com a explicação para o corte das árvores, que no entanto não convenceu o executivo amarense.

Mais desenvolvimentos na edição impressa de Outubro 2019, nas bancas.