AMARES -
Câmara de Amares quer «abrir as piscinas em segurança» no início de Julho

A Câmara de Amares pretende abrir as piscinas ao ar livre de Amares e de Caldelas no início do mês de Julho, aplicando as normativas da Direcção-Geral da Saúde (DGS), nomeadamente quanto à redução da lotação.

O mesmo deverá acontecer na piscina de Bouro Santa Marta, equipamento que é gerido pela Junta de Freguesia local.

PUBLICIDADE

A informação foi avançada esta segunda-feira, em reunião de Câmara, pelo vice-presidente da autarquia, Isidro Araújo.

«A nossa expectativa é que possamos fazer a abertura das piscinas no início de Julho, embora ainda não tenhamos um dia definido. Estamos a trabalhar para que o façamos com segurança e de acordo com as regras definidas pela DGS», referiu.

Isidro Araújo disse, no entanto, que este é um “dossier” que ainda não está fechado e que precisa de ser ultimado com as autoridades de saúde, nomeadamente para definir a lotação máxima de cada espaço.

Certo é que haverá várias regras para cumprir, sobretudo no que toca à higienização e afastamento social, sendo que «todas as pessoas terão que comunicar o nome e o número de telefone para poder aceder às piscinas».

NORMAS DA DGS (VER AQUI)