BRAGA -
Câmara de Braga já seleccionou candidaturas ao programa de apoio à criação artística. Conheça os projectos

Foram já seleccionadas 43 candidaturas ao ACTUM – Convocatória Aberta de Projectos Artísticos 2020, um programa de apoio à criação e fruição artísticas promovido pelo município de Braga que visa apoiar criadores e artistas bracarenses nas áreas da música, das artes performativas e das artes plásticas e visuais.

As duas medidas do ACTUM contaram com um total de 59 candidaturas apresentadas entre 18 de Maio e 12 de Junho de 2020. Na ‘Medida 1 – Música e Artes Performativas’ foram apresentados 32 projectos, dos quais foram seleccionados 20, e, na ‘Medida 2 – Artes Plásticas e Visuais’, dos 27 projectos submetidos foram aprovados 23.

Na Medida 1 foram distinguidos, devido à singularidade e excepcionalidade artísticas, os projectos propostos por Harawi Ensemble, Luciano Barcelos de Mello e St. James Park.

PUBLICIDADE

Na segunda medida, direccionada para a área das Artes Plásticas e Visuais, são apoiados 23 projectos, nas áreas da pintura, da fotografia, do vídeo e da escultura, a desenvolver durante os meses de Julho, Agosto e Setembro. As obras produzidas são integradas numa exposição que decorre em Dezembro de 2020 na galeria municipal Casa dos Crivos e numa plataforma de arte online. 

CRIATIVIDADE E ORIGINALIDADE

A vereadora da Cultura, Lídia Dias, considera que a primeira edição do ACTUM fica marcada pela “criatividade e originalidade” das propostas, “com abordagens e perspectivas eclécticas que procuraram debruçar-se sobre o contexto de mudança e de adaptação em que actualmente vivemos”.

Sendo uma das prioridades da Estratégia Cultural Braga 2020-2030 “apoiar a comunidade artística e criativa”, Lídia Dias lembra que “com esta convocatória pretendeu-se continuar o trabalho de valorização dos artistas emergentes e profissionais que dinamizam culturalmente o concelho”.

“Pretendeu-se também promover a fruição artística por parte de um público cada vez mais atento a todas as ofertas digitais diferenciadoras, ampliando a divulgação e o reconhecimento das propostas artísticas e dos criadores que constituem a significativa e crescente comunidade artística e cultural da cidade”, acrescenta a vereadora.

Com o ACTUM – Convocatória Aberta de Projectos 2020”, autarquia pretendeu patrocinar o desenvolvimento de reflexões, criações e projectos” de artistas naturais ou residentes em Braga, atribuindo um apoio de 500 euros a cada projecto seleccionado.

Com esta convocatória pretendeu-se, acrescenta Lídia Dias “lançar um desafio aos criadores bracarenses para examinarem o contexto suscitado pelo covid-19 e abordarem as consequências desta pandemia através da singularidade das suas perspectivas, da sua criatividade e expressividade artísticas”. 

“Os artistas e criadores bracarenses corresponderam ao desafio e, em menos de mês, conceberam e submeteram 59 projectos de diferentes áreas e expressões artísticas”. sublinha.

Após a análise das memórias descritivas e dos portfólios de cada criador, todas as candidaturas foram avaliadas tendo em consideração a qualidade da proposta, a correspondência ao tema proposto e também a sua adequação, originalidade e criatividade, por duas equipas de júri presididas pela vereadora da cultura.

Os projectos apresentados à medida Música e das Artes Performativas foram avaliados por Paulo Brandão (director Artístico do Theatro Circo) e por Luís Fernandes (director de programação do gnration); e, na medida ‘Artes Plásticas e Visuais’, por Helena Mendes Pereira (curadora e directora geral da zet gallery) e Miguel Bandeira Duarte (director do Museu Nogueira da Silva).

APRESENTAÇÕES ONLINE

Os 20 projectos aprovados na área da música e das artes performativas, contemplando diversos estilos musicais e o cruzamento interdisciplinar de diversas expressões performativas, são partilhados com o público através da página Facebook do município, a partir da segunda quinzena de Julho, com a periodicidade de duas apresentações semanais, decorrendo a transmissão das várias propostas até à primeira quinzena de Setembro. 

Na segunda medida, direccionada para a área das Artes Plásticas e Visuais, As obras produzidas para a segunda medida, direccionada para a área das Artes Plásticas e Visuais, são integradas numa exposição que decorre em Dezembro de 2020 na galeria municipal Casa dos Crivos e numa plataforma de arte online. 

A exposição da Casa dos Crivos conta com o apoio curatorial de Helena Mendes Pereira, directora geral e curadora da zet gallery, que reune na primeira semana de Julho com todos os artistas seleccionados.

A listagem dos projectos seleccionados está disponível para consulta através do seguinte link: https://bit.ly/38g1jn3

Foto Patrícia Ferreira, autora do projecto ‘Liberdade em Tempos de Medo ‘