LEGISLATIVAS

LEGISLATIVAS -
CDU Braga aponta necessidade de fazer cumprir direitos das mulheres

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Torcato Ribeiro, cabeça-de-lista da CDU às Eleições Legislativas pelo círculo de Braga do próximo dia 30, reafirmou esta segunda-feira, a necessidade de fazer cumprir os direitos das mulheres.

Num encontro com o MDM – Movimento Democrático das Mulheres, o candidato comunista abordou os problemas específicos das mulheres, quer no plano nacional e regional, nomeadamente a persistência nas desigualdades no trabalho e nos salários já que “as mulheres continuam, em média, a usufruir de salários inferiores aos homens, e que são mais afectadas na precariedade e no acesso ao emprego”.

O combate à desregulação de horários, a prevenção e garantia dos direitos no trabalho por turnos, a redução geral do horário de trabalho para as 35 horas semanais, sem perda de remuneração nem de outros direitos, assim como a consagração de 25 dias úteis de férias para todos os trabalhadores, forem igualmente abordados.

PUBLICIDADE

Ouvindo o MDM defender que “a emancipação da mulher passa inevitavelmente pela independência económica”, o n.1 da coligação PCP-PEV sublinhou que “é necessário garantir a defesa dos direitos de maternidade e paternidade e a criação de condições para o envolvimento de ambos os pais nas responsabilidades familiares”. 

“É um imperativo concretizar investimentos em infra-estruturas modernas, de elevada qualidade e locais e financiamento de serviços e prestadores de cuidados para garantir a universalidade do ensino pré-escolar e das estruturas de acolhimento de crianças, incluindo a partir de serviços públicos para a prestação de serviços de educação e acolhimento na primeira infância, incluindo o ensino pré-escolar público”, sustentou.

Respondendo à preocupação manifestada pelas representantes do MDM, Catarina Marques, também candidata, reafirmou que a CDU defende “o reforço dos serviços de saúde que garantam cuidados de saúde de alta qualidade bem como o acesso à saúde sexual e reprodutiva, 

O encontro abordou ainda “a importância de melhorar e implementar medidas com vista ao combate a todas as formas de violência que recaem sobre as mulheres, seja em contexto doméstico, no namoro e no trabalho”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS