LEGISLATIVAS – Comunista Carla Cruz quer residências universitárias ainda para este ano lectivo

LEGISLATIVAS –
Comunista Carla Cruz quer residências universitárias ainda para este ano lectivo

No encontro que manteve, quinta-feira, com estudantes da Universidade do Minho, na residência universitária de Santa Tecla, em Braga, Carla Cruz afirmou que “é responsabilidade do Governo garantir uma resposta pública, ainda neste ano lectivo, que resolva a falta de alojamento para estudantes”, acusando o Governo de “não ter vontade política” em resolver esta questão.

A número um da lista da CDU às Legislativas pelo distrito de Braga lembrou que o PCP apresentou um projecto de lei para a criação de um programa nacional de alojamento estudantil que foi aprovado, tendo sido cumpridas as suas primeiras fases, com a identificação das necessidades no distrito e ainda com a identificação de edifícios públicos para conversão em residências.

PUBLICIDADE

“Falta concretizar, agora, esta conversão, para dar resposta à falta de alojamento que já se faz sentir e não ficar à espera que seja o mercado imobiliário a responder a esta carência”, acrescentou.

A CDU aproveitou o encontro para defender um reforço global na acção social directa e indirecta, com mais bolsas e mais apoios ao alojamento e à alimentação. A delegação da candidatura do distrito, composta ainda pelos candidatos Bárbara Barros e Alexandre Carvalho, deixaram claro que “não basta garantir o acesso às instituições de ensino superior, é  necessário reforçar as medidas que permitam aos estudantes continuar a frequentá-lo”.
Os candidatos defenderam também o fim das propinas no ensino superior, a par de mais financiamento, por via do Orçamento do Estado, para as instituições de ensino superior e os serviços de Acção Social Escolar.