NACIONALCosta anuncia criação de autoridade nacional contra a violência no desporto

NACIONAL
Costa anuncia criação de autoridade nacional contra a violência no desporto

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou esta quarta-feira a criação de autoridade nacional contra a violência no desporto, que permita às autoridades agir nas situações não contempladas pela lei.

“É claro agora que é necessário reforçar as medidas e, designadamente, avançar para uma autoridade nacional contra a violência no desporto, que permita agir nestas situações, e não só naquelas em que a lei permite às autoridades administrativas agir”, avançou, citado pela Lusa.

PUBLICIDADE

António Costa, que falou aos jornalistas à saída da reunião do Partido Socialista Europeu, em Sófia (Bulgária), referia-se aos actos de violência ocorridos na terça-feira na Academia do Sporting, em Alcochete, onde futebolistas e treinadores do clube foram agredidos.

O primeiro-ministro confirmou que vai propor uma autoridade nacional contra a violência no desporto para fazer face ao crescendo de violência “absolutamente intolerável” no desporto português.

O Governo já repudiou os incidentes na Academia, que considerou actos de vandalismo e criminosos e o próprio Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, manifestou-se “vexado porque Portugal é uma potência, nomeadamente no futebol profissional, e vexado pela gravidade do que aconteceu”.