CRIME - Disputa de terrenos na Póvoa de Lanhoso resulta em detenção e apreensão de armas de fogo

CRIME -
Disputa de terrenos na Póvoa de Lanhoso resulta em detenção e apreensão de armas de fogo

A GNR da Póvoa de Lanhoso aprendeu esta segunda-feira nos concelhos de Amares e Macedo de Cavaleiros cinco armas de fogo e mais de centena e meia de munições, informa aquela força de segurança em nota à comunicação social.

“No âmbito de um processo por ofensas à integridade física e ameaças que decorre desde Maio, os militares apuraram que o suspeito agrediu a vítima, de 60 anos, por desavenças relacionadas com a propriedade de terrenos, no concelho de Póvoa de Lanhoso”, adianta a Guarda.

Na sequência das diligências, a GNR cumpriu dois mandados de busca domiciliária, nos concelhos de Amares e Macedo de Cavaleiros, tendo apreendido cinco armas de fogo e 169 munições.

PUBLICIDADE

O agressor foi constituído arguido e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Póvoa de Lanhoso.