REGIÃO -
Esposende associa-se à campanha nacional “O Futuro do Planeta Não é Reciclável”

O Município de Esposende e a empresa municipal “Esposende Ambiente” associam-se à campanha nacional “O Futuro do Planeta Não é Reciclável”, apelando à «prevenção, reutilização e reciclagem de resíduos urbanos».

A campanha é promovida pela EGF, empresa europeia de referência no sector ambiental e líder no tratamento e valorização de resíduos em Portugal, em parceria com as suas concessionárias, designadamente pela Resulima, entidade gestora do sistema multimunicipal de recolha selectiva do qual o Município de Esposende faz parte integrante.

Em comunicado, o Município de Esposende sublinha que «a preocupação com o futuro do planeta continua na ordem do dia, uma vez que mesmo depois de tantas campanhas a explicar como reciclar e onde depositar as embalagens usadas, ainda há cidadãos que continuam a não estar sensibilizados e mobilizados para a reciclagem de resíduos. Por isso, nesta campanha, em vez de voltar a dizer às pessoas aquilo que elas já sabem, optou-se por dizer-lhes o que elas não sabem. Pretende-se mostrar que há um “porquê” que é maior que todos nós e que existe um serviço público que não funciona se cada um não fizer a sua parte. Se falar apenas do que podemos reciclar não é suficiente, é tempo de mostrar o que não podemos reciclar». 

PUBLICIDADE

Acrescentam, ainda, que «é tempo de mudança e é tempo de todos os cidadãos assumirem o seu papel de gestor de recursos e adoptarem comportamentos ambientais adequados, protegendo o planeta e gerindo adequadamente os seus resíduos, através da redução, reutilização e reciclagem. Pretende-se, pois, levar o cidadão à acção e a fazer parte de um movimento colectivo, através da adopção de comportamentos ambientais adequados na sua gestão diária e a assumir o seu papel de gestor de recursos, numa cadeia de valor da qual todos fazem parte, desde os sistemas de gestão de resíduos, até aos municípios e cidadãos».

CAMPANHA “O FUTURO DO PLANETA NÃO É RECICLÁVEL”

A campanha “O Futuro do Planeta não é Reciclável” está disponível em vários suportes e meios, desde outdoors, mupis, spots de rádio e televisão, redes socias, entre outros. O Município de Esposende disponibilizou vários mupis para esta campanha, estando já instalados pelo Concelho diferentes cartazes de sensibilização.