REGIÃO -
Fundação para a Ciência e a Tecnologia aprova projecto do Politécnico de Viana do Castelo sobre remoção de amianto

No âmbito do Projecto ‘Verão Com Ciência’, o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) viu aprovado o Plano de Formação ‘Renovação de Coberturas Revestidas a Amianto em Edifícios Escolares – Soluções Pró-Sustentabilidade Ambiental’.

Em 2018, o Politécnico de Viana do Castelo apresentou candidatura aos avisos POSEUR-03-2018-07 destinados à promoção da eficiência energética nos edifícios da administração pública central, financiado pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR).

PUBLICIDADE

O projecto [email protected] encontra-se actualmente em execução na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPVC, e prevê a remoção da cobertura original do edifício em fibrocimento com amianto (asbestos), numa área superior a 5.300m2, com aplicação posterior de solução de revestimento sustentável.

A formação proposta, e agora aprovada no âmbito das Academias de Verão, envolve uma “componente teórico-prática” com 60 horas de leccionação, repartida por 30 sessões com 2 horas leccionadas em contexto de sala de aula. Na sequência da formação teórico-prática, está prevista a realização de “oficinas de formação” prática, a desenvolver no terreno, num contexto de aprendizagem in situ, procurando proporcionar aos formandos a experiência de aprendizagem num “laboratório vivo”, em condições estrita segurança.

Esta modalidade está centrada nas práticas de formação no terreno que possibilitem a transferência da aprendizagem relacionadas com a reabilitação ambiental de coberturas revestida a fibrocimento com amianto. A duração das “oficinas de formação” é de 60 horas, repartidas por 30 sessões com duas horas de formação diária.

O Plano de Formação prevê, assim, uma duração total de formação de 120 horas, repartidas equitativamente por uma “componente teórico-prática” e por “oficinas de formação”.

Os destinatários da formação são 15 estudantes do IPVC que reúnam as condições para ser bolseiros de iniciação à investigação ou de investigação, assim como os estudantes bolseiros da acção social escolar.