ACTIVIDADE OPERACIONAL - GNR deteve 1727 pessoas em flagrante durante o mês de Setembro

ACTIVIDADE OPERACIONAL -
GNR deteve 1727 pessoas em flagrante durante o mês de Setembro

A GNR realizou, ao longo do mês de Setembro, para além da sua actividade operacional diária, um conjunto de operações em todo o território nacional, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, a fiscalização rodoviária, entre outras, tendo sido detidas durante as mesmas 1727 pessoas em flagrante delito.

Desse total, 625 foram detidos por condução sob o efeito do álcool, 347 por condução sem habilitação legal, 210 por tráfico de estupefacientes, 63 por furtos e roubos, 45 por posse ilegal de armas, 11 por violência doméstica, seis por permanência ilegal em território nacional, cinco por ofensa à integridade física e dois por caça ilegal.

Durante as operações foram ainda apreendidas 34 383 doses de haxixe, 8 147 doses de heroína, 1 792 doses de cocaína, 598 doses canábis, 323 doses de MDMA, 223 plantas de cannabis, 88 doses de anfetaminas, 46 armas de fogo, 82 armas de brancas, 1 214 munições, 24 veículos, 9 008 quilos de pescado, 5 854 quilos de bivalves, 354 artigos contrafeitos e 16 098 euros em numerário.

PUBLICIDADE

Ao nível do trânsito, na fiscalização, foram detectadas 39 123 infracções, destacando-se, 11 557 excessos de velocidade, 2 000 por falta de inspecção periódica obrigatória, 1 723 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 1 503 por falta ou incorrecta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 1 390 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 1 339 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 1 112 relacionadas com tacógrafos e 847 por falta de seguro de responsabilidade civil.