PAÍS

PAÍS -
Portugal em situação de alerta de domingo até à próxima terça-feira

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, anunciou, esta sexta-feira, que o território continental vai estar em situação de alerta entre os dias 21 e 23 de Agosto devido ao risco de incêndios.

«Tomámos a decisão de determinar a situação de alerta para os dias 21, 22 e 23 – domingo, segunda e terça-feira, com reavaliação na segunda-feira ao fim do dia, tendo em vista reavaliar a necessidade de manter ou alterar a situação de alerta», explicou José Luís Carneiro.

O governante revelou que «toda esta circunstância se aplica ao território continental», após uma reunião na Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), em Carnaxide (Oeiras).

PUBLICIDADE

Durante a situação de alerta, disse José Luís Carneiro, haverá «especiais limitações» quanto ao uso de fogo, de máquinas, utilização de máquinas, realização de trabalhos agrícolas e acesso aos espaços florestais.

Foi decidido, também, que o patrulhamento dissuasor será reforçado com 25 patrulhas das Forças Armadas, uma vez que «combater o incendiarismo é uma prioridade, tendo em conta que se acentuou muito particularmente nos últimos 15 dias a três semanas».

A ANEPC fica autorizada a «avançar com a contratação de mais 100 equipas de bombeiros, o que significa mais 500 homens, tendo em vista reforçar os meios humanos e permitir que esta reposição de meios mantenha o vigor e eficácia que tem existido até agora», acrescentou o ministro, sublinhando que cerca de 90% dos fogos têm sido dominados ao fim de 90 minutos.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS