BRAGAPrémio Victor de Sá com candidaturas abertas

BRAGA
Prémio Victor de Sá com candidaturas abertas

O Conselho Cultural da Universidade do Minho tem abertas até ao dia 6 de Julho as candidaturas ao Prémio Victor Sá de História Contemporânea, considerado o principal galardão nacional para jovens investigadores da área. Criado na base de uma doação do conhecido historiador e professor Victor de Sá, o Prémio tem um valor pecuniário de 3500 euros e foi instituído para assegurar a continuidade dos trabalhos de investigação no âmbito da História portuguesa.

O júri será composto por três especialistas reconhecidos e com obras publicadas neste âmbito, que anunciarão a sua decisão até final de Novembro. Poder-se-á também atribuir menções honrosas. As investigações concorrentes devem versar sobre a História portuguesa, desde 1820 até aos dias de hoje, estar redigidas em língua portuguesa e ser originais ou, então, publicadas entre 2017 e Julho de 2018. As candidaturas devem ser entregues até dia 6 de Julho, sob registo postal ou contra recibo de apresentação no Conselho Cultural da UMinho, no Largo do Paço, em Braga.

PUBLICIDADE

Ao longo das 26 edições foram distinguidos académicos de referência a nível nacional, como Fernanda Rollo, actual secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, e Miguel Cardina, que já venceu uma bolsa do Conselho Europeu de Investigação no valor de 1,4 milhões de euros. Mais informações em www.conselhocultural.uminho.pt.