EDIÇÃO IMPRESSA -
Presidente dos Bombeiros de Amares muito crítico com a Câmara Municipal: «Sentimo-nos abandonados e entregues à nossa sorte»

O Presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares, onde há dois operacionais infectados com Covid-19, mostra-se «muito preocupado» com o futuro da corporação e acusa a Câmara Municipal de «ter ignorado os Bombeiros» desde que começou a pandemia Covid-19. «Sentimo-nos abandonados e entregues à nossa sorte», diz José Gonçalves.

Mais desenvolvimentos na edição impressa de Maio de 2020, nas bancas.