PAÍS -

PAÍS - -
Sindicato do SEF teme que Portugal seja nova rota de migração

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Os jovens marroquinos interceptados, esta quarta-feira de madrugada, ao largo de Olhão, conheciam o grupo de imigrantes que chegou a Monte Gordo da mesma forma, em Dezembro. Os jovens são da mesma região em Marrocos e utilizaram o mesmo sistema para chegar a território nacional, avança a TSF.

O acolhimento a 8 amigos no mês passado acabou por ser um chamariz para este grupo. O presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF diz-se preocupado com esta repetição.

“Uma probabilidade de existir aqui uma rota que poderá reforçar-se no futuro com novos migrantes da zona do norte de África a chegarem a Portugal. Há um ‘modus operandi’ comum entre esta ocorrência e a de Dezembro passado”, explicou à TSF Acácio Pereira.

PUBLICIDADE

Acácio Pereira lembra que mais vale prevenir e garante que, em caso de novas chegadas, Portugal não está preparado.

“Portugal não está preparado para uma situação desta natureza. Vejo com dificuldade a resposta que possa ser dada. O país olha sempre para estes problemas como não sendo nossos, mas sim dos outros”, sublinhou.

O sindicalista diz ainda que é preciso reforçar a vigilância na costa para evitar novos episódios.

“Já da outra vez denunciámos uma coisa: o facto de a vigilância na costa estar completamente a descoberto. De facto, não foram detectados, foram depois encontrados. Nesta situação em concreto volta a repetir-se”, acrescentou Acácio Pereira.

O barco, que só tinha a bordo alguns mantimentos e combustível, foi interceptado cerca das 04h30.

Os jovens, que não tentaram fugir, foram encaminhados para a capitania de Olhão, onde aguardaram a chegada de elementos do SEF.

O comandante do porto de Olhão explicou ainda que três homens foram encaminhados para o Hospital de Faro “para despistar eventuais problemas de saúde”, pois apresentavam dores abdominais.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS