JUSTIÇA -
Tribunal de Amares aplica prisão preventiva a homem de Braga suspeito de violência doméstica

O Tribunal Judicial de Amares aplicou prisão preventiva a um homem, de 63 anos, detido por violência doméstica, em Braga.

Em comunicado, a GNR explica que, na sequência de uma denúncia relacionada com desacatos numa residência, «os militares foram ao local, tendo apurado que a mulher do suspeito, de 60 anos, era vítima de agressões físicas e psicológicas, assim como de ameaças de morte com arma branca, há vários anos».

PUBLICIDADE

«O suspeito tentou impedir a vítima de falar com os militares quando estes chegaram ao local, acabando por empurrá-la contra uma parede, pelo que foi de imediato detido», refere.

O detido foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Paços de Ferreira.