Apoio público a Elisa Brandão -
Vítor Patrício não se recandidata à liderança do CDS-PP de Amares

Fim de ciclo político. É a justificação apresentada por Vítor Patrício para não se recandidatar às eleições da concelhia de Amares do CDS-PP que se realizam amanhã. Num comunicado enviado às redacções, o também Vereador afirma que «os pressupostos desta decisão assentam no facto de considerar que o ciclo político que iniciei há quatro anos concluiu-se com as últimas eleições autárquicas».

Vítor Patrício refere ainda que o facto de ter aceite integrar o executivo municipal com os pelouros atribuídos «são a minha prioridade de actuação e tudo farei para ajudar o Prof. Moreira e os colegas deste executivo a desenvolver um mandato em prol do desenvolvimento de Amares».

Para estas eleições do CDS-PP de Amares «apoiarei a candidatura da Elisa Brandão, que actualmente integra a Assembleia Municipal, e toda a equipa que a acompanha a dignificar o nome do partido e a valorizar a qualidade dos seus elementos e particularmente da Juventude Popular liderada pela Liliana Almeida», termina o ainda Presidente do CDS-PP de Amares.

PUBLICIDADE