PAÍS

PAÍS -
7 vítimas mortais no balanço da operação “Viajar Sem Pressa”

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Campanha de Segurança Rodoviária Viajar Sem Pressa, da responsabilidade da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), da Guarda Nacional Republicana (GNR) e da Polícia de Segurança Pública (PSP) sensibilizou 319 condutores e passageiros.

Esta iniciativa decorreu nos dias 14 e 21 de Novembro e teve como objectivo «alertar os condutores para os riscos da condução em excesso de velocidade, dado que esta é uma das principais causas dos acidentes nas estradas».

Dos veículos fiscalizados, 11 803 circulavam com excesso de velocidade, dos quais 5 397 foram detectados pelos radares das Forças de Segurança e 6 406 pelos da ANSR.

PUBLICIDADE

Ao longo desta campanha, registaram-se um total de 2 935 acidentes com vítimas, de que resultaram 7 vítimas mortais, 41 feridos graves e 772 feridos leves.

Relativamente ao período homólogo de 2021, verificaram-se mais 61 acidentes, menos 2 vítimas mortais, menos 13 feridos graves e menos 95 feridos leves.

As 7 vítimas mortais, 4 das quais do sexo masculino, tinham idades entre 48 e os 81 anos.

Os acidentes ocorreram nos distritos de Viana do Castelo, Aveiro, Faro, Lisboa, Setúbal e Viseu.

Estes acidentes, envolvendo veículos ligeiros, resultaram de 5 atropelamentos maioritariamente em recta (1 dos quais com fuga), 1 colisão e 1 despiste.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS