Arquivo de Opinião - O Amarense

OPINIÃO –
Amamentar, até quando?

Por Raquel Cerqueira Gomes Interna do 4º ano Medicina Geral e Familiar  “Ainda sai leite?”, “Isso é vicio”, “Que matulão e ainda mama?”, estas são apenas algumas frases ouvidas pelas mães que optam por continuar a amamentar os seus filhos, mesmo quando eles não são tão bebés e já comem de tudo. Mas será que … Ler maisOPINIÃO –
Amamentar, até quando?

OPINIÃO –
Saúde Oral para todos

As doenças orais são um sério problema de saúde pública, uma vez que afetam grande parte da população e influenciam os seus níveis de saúde, bem-estar e qualidade de vida. As doenças orais podem afetar, ser afetadas ou contribuir para outras doenças, como é o caso da diabetes e das doenças cardiovasculares. A boa notícia … Ler maisOPINIÃO –
Saúde Oral para todos

OPINIÃO –
Eutanásia ≠ Boa morte

Vocábulo grego, constituído de “eu” (boa) e “thanatos” (morte), textualmente, seria a boa morte, uma morte sem sofrimento (natural e serena), e não tinha o controverso conceito que hoje solicita. Atualmente a palavra refere-se a uma forma de morte assistida, realizada por um profissional de saúde que provoca a morte do doente em estado terminal, … Ler maisOPINIÃO –
Eutanásia ≠ Boa morte

OPINIÃO -
A relevância do empowerment pessoal

O termo empowerment deriva do verbo empower que significa, em tradução livre do dicionário Cambridge, dar a alguém a autoridade oficial ou a liberdade de fazer algo. Quando aplicado na gestão pode ser definido como capacitação pessoal envolvendo reflexões sobre os princípios, valores, habilidades e competências capazes de delegar responsabilidades e transformar objetivos em realidade. … Ler maisOPINIÃO –
A relevância do empowerment pessoal

OPINIÃO -
Encarregados incoerentes de educação

A educação é um direito, esta altera e transforma a sociedade, e por conseguinte, o indivíduo. Não podemos considerar a educação meramente como transformadora das sociedades, esta é um contínuo processo de desenvolvimento das capacidades físicas, intelectuais, sociais, económicos e culturais. Vamos imaginar o seguinte cenário: um miúdo numa escola, chamemo-la de mais rural, magoa-se … Ler maisOPINIÃO –
Encarregados incoerentes de educação