CULTURA - Associação Jacobeia do Caminho da Geira Minhoto Ribeiro pretende «uniformizar critérios» do caminho Braga a Santiago

CULTURA -
Associação Jacobeia do Caminho da Geira Minhoto Ribeiro pretende «uniformizar critérios» do caminho Braga a Santiago

A Associação Jacobeia do Caminho da Geira Minhoto Ribeiro (AMR) solicitou «uma reunião urgente» ao Conselho da Cultura e Turismo do governo regional da Galiza com o objectivo de «procurar unificar critérios» sobre o caminho que liga Braga a Santiago de Compostela, na distância de 240 quilómetros.

«É desejável estabelecer critérios objectivos em relação à sua denominação, traçado, marcação e conteúdos a divulgar, o que contribuirá para a consolidação do projecto», refere a Associação em comunicado, com base numa carta enviada ao conselheiro Román Rodríguez Gonzalez, da Galiza.

A Associação adianta ainda que «discorda de procedimentos de certas colectividades envolvidas no objectivo de oficializar esta via histórica de peregrinação como trajecto oficial a Santiago de Compostela até ao Ano Santo Jacobeu de 2021».

PUBLICIDADE

Com sede em Ribadavia (Espanha), a AMR explica que «sempre entendeu este projecto como uma proposta amplamente construtiva e vantajosa para as comarcas que atravessa, para a construção do qual ninguém deve valer-se de verdades absolutas ou investir-se de uma oficialidade que só pode ser concedida pelas instituições publicas competentes».

Por isso, considera «necessário constituir um grupo de trabalho para harmonizar propostas, sem qualquer protagonismo em particular e com o único e primordial objectivo de não prejudicar o projecto ou confundir os peregrinos».

Por outro lado, pede que «os possíveis subsídios que sejam concedidos e as acções de marcação em curso se executem com eficiência e rigor, em conformidade com as autorizações das entidades competentes».

NOVEMBRO DE 2018

Em Novembro de 2018, a AMR já tinha solicitado a intervenção do presidente da Academia Jacobeia, Xesus Palmou, no sentido de promover um encontro entre as associações envolvidas na promoção e estudo do Caminho Jacobeu da Geira.

Na reunião, em que participaram Abdón Fernández, presidente da AMR, e o então presidente da Associação Espaço Jacobeus (Portugal), António Devesa, o responsável pela Academia Jacobeia «ofereceu-se para mediar um encontro, mas o seu valioso esforço resultou infrutífero», pode ler-se.

O primeiro traçado do Caminho Jacobeu da Geira foi apresentado em Ribadavia (Espanha) a 9 de Fevereiro de 2017 e no dia 1 de Abril em Braga.

A Associação foi constituída em 2006 com o objectivo de «investigar e promover este itinerário».