AMARES -
Auxiliares dos centros escolares aprendem a responder em situações de emergência

A Câmara de Amares, através do Serviço de Protecção Civil, em articulação com os Bombeiros Voluntários, está a levar a cabo uma acção de formação, acompanhada de simulacro, em todos os centros escolares do concelho.

O objectivo é inteirar as auxiliares destes equipamentos municipais acerca dos procedimentos a adoptar numa situação de emergência, atenuando os seus efeitos e prestando auxilio às pessoas em perigo.

PUBLICIDADE

O vereador que tutela o pelouro da Protecção Civil, Delfim Rodrigues, tem acompanhado de perto estas acções e destacou a importância deste género de formações.

«É fundamental formar as nossas equipas para darem uma resposta célere e adequada quando está em causa a vida e a segurança das nossas crianças, das próprias funcionárias e todo o corpo de docentes», refere.

Segundo o vereador, «um gesto tão simples como colocar uma manta própria em caso de incêndio num fogão pode evitar um grande incêndio».

«São ensinamentos que podem ser aplicados no seu dia-a-dia pessoal também», concluiu Delfim Rodrigues.

As acções de formações têm-se debruçado sobre combate a incêndios, evacuação e primeiros socorros e enquadram-se nas medidas de auto protecção que, obrigatoriamente, devem fazer parte destes estabelecimentos escolares.