AMARES -
Executivo camarário rejeita transferência de competências do Governo

A Câmara de Amares aprovou esta segunda-feira, por unanimidade, a proposta de não-aceitação de transferência de competências, em 2021, nas áreas da Saúde, Educação e Acção Social.

A decisão já tinha sido antecipada publicamente, na última sexta-feira, pelo presidente da Câmara, Manuel Moreira, justificada pelo facto de a autarquia «não aceitar as competências sem saber qual o envelope financeiro» correspondente.

PUBLICIDADE

Na discussão do ponto, o vereador do PS, Pedro Costa, mostrou-se «solidário» com a proposta, considerando que «o Governo tarda em esclarecer este dossier», uma vez que «a delegação de competências não está quantificada, sobretudo no que toca ao envelope financeiro».

A proposta será agora levada à próxima sessão da Assembleia Municipal.