PAÍS -
Fronteiras entre Portugal e Espanha permanecem abertas

Os chefes de governo de Portugal e Espanha afastaram, este sábado, a possibilidade de um novo encerramento das fronteiras, sublinhando ainda a necessidade de mais responsabilidade individual no combate à pandemia covid-19. Na conferência da cimeira Luso-Espanhola, que decorreu na Guarda, o primeiro-ministro, António Costa, apontou que não se justifica encerrar as fronteiras, sublinhando que actualmente o que se exige é «mais responsabilidade individual».

«Não contemplamos em absoluto o fecho das fronteiras», disse o presidente do governo de Espanha, Pedro Sánchez, esclarecendo que as medidas que vierem a ser tomadas serão em conjunto com Portugal e os restantes estados membro da União Europeia.