PAÍS -
Inspecção obrigatória para motas com mais de 125cc vai ser obrigatória a partir de 2022

As motas com mais de 125cc vão passar a ter de ir à inspecção a partir do próximo ano (2022), aquando do término do prazo para a transposição da legislação europeia para Portugal e quase 10 após a medida ter sido aprovada pelo Governo. A revelação foi feita esta segunda-feira pelo Secretário de Estado das Infra-estruturas, Jorge Delgado, ao JN.

«A partir de 1 de Janeiro de 2022, todas as motas de 125 centímetros cúbicos para cima passam a ter de ir à inspecção»,notou.

TRANSPOSIÇÃO DA LEGISLAÇÃO EUROPEIA

PUBLICIDADE

O prazo para a transposição da legislação europeia que determina a obrigatoriedade da inspeção termina a 31 de Dezembro e assim, a partir de 1 de Janeiro de 2022, os motociclos acima dos 125cc vão ter de fazer inspeções periódicas obrigatórias. De fora estão da legislação estão os veículos de duas rodas com 50 cc.

Jorge Delgado sublinhou ainda que «o decreto-lei está em circuito legislativo e vai ser aprovado em conselho de ministros em breve».

10 ANOS APÓS A MEDIDA SER APROVADA PELO GOVERNO

Esta alteração deverá entrar em vigor aproximadamente 10 anos após o Governo ter aprovado, em decreto-lei, a inspecção obrigatória de motociclos, que incluía triciclos e quadriciclos com cilindrada superior a 250 cc.