REGIÃO – -
Linha de eléctrico pode ser solução de mobilidade no Quadrilátero Urbano

O Quadrilátero Urbano vai promover um estudo prévio para encontrar a melhor solução de mobilidade para o conjunto dos concelhos de Guimarães, Braga, Famalicão e Barcelos, anunciou o presidente da Câmara vimaranense.

Falando num debate sobre mobilidade urbana, organizado pela Associação de Jovens Empresários de Guimarães, Domingos Bragança afirmou que a decisão foi tomada esta semana, admitindo que “chega com dois anos de atraso”.

PUBLICIDADE

“O que se pretende é realizar um estudo prévio para encontrar a melhor solução que pode ser ‘tramway’ [linha de carro eléctrico] ou outra”, avançou, adiantando que “também foi decidido que reuniremos com um representante do Governo para vermos como será a melhor forma de podermos concretizar essa solução que necessariamente implica candidaturas a fundos comunitários e apoio do poder central”.

O autarca considera que a solução ‘tramway’ na área do Quadrilátero Urbano “só faz sentido se todos os municípios estiverem de acordo e assumirem a parte correspondente das responsabilidades que implica o projecto”.

No debate realizado na Universidade do Minho, o docente universitário Paulo Pereira, citado pelo Guimarães Digital, lembrou que a solução a adoptar deve resultar de “uma discussão ampla que envolva a sociedade”.

Já Pires da Costa, da Transdev, realçou que “qualquer solução deve assentar numa fórmula estruturada de mobilidade urbana”.

Realçando que do ponto de vista económico, um ‘tramway’ não é rentável, aquele responsável sublinhou que uma solução daquela natureza só faz sentido num centro urbano de grande movimentação de pessoas e complementado com mini autocarros e outros meios de mobilidade suave.

No debate participaram ainda representantes dos partidos políticos vimaranenses: Luís Soares do PS, Bruno Fernandes do PSD, Rui Correia do CDS e Torcato Ribeiro da CDU.