AMARES

AMARES -
Misericórdia de Amares reabilita valências da infância e praticamente duplica capacidade

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Santa Casa da Misericórdia de Amares concluiu recentemente as obras de reabilitação dos espaços da creche e do jardim de infância, num investimento de cerca de um milhão de euros que transformou por completo as valências, permitindo aumentar a capacidade instalada.

«Embora com um ligeiro atraso relativamente ao cronograma inicialmente previsto, as obras de ampliação e requalificação da creche e do jardim de infância da Santa Casa encontram-se concluídas. Não foi um processo fácil de gerir, inicialmente devido ao período de pandemia que todos infelizmente vivemos e, na parte final, pela dificuldade na obtenção de alguns materiais», disse ao jornal “O Amarense” o provedor da instituição.

PUBLICIDADE

Durante uma visita aos novos espaços, acompanhada pela coordenadora técnica das valências da infância (Vanessa Neves) e pela directora pedagógica (Bruna Rocha), Álvaro Silva explicou que antes das obras a creche da Misericórdia de Amares podia receber 44 crianças e que agora quase dobrou essa capacidade, dispondo de 84 lugares, «que para o ano lectivo 2022-23 já estão totalmente preenchidos, havendo ainda lista de espera».

«O concelho de Amares poderá a partir de agora reclamar que detém um estabelecimento de creche e de jardim de infância ao nível do que melhor existe no país, quer em termos de instalações físicas, quer em parques e equipamentos exteriores, em equipamentos didáticos, ao nível pedagógico e técnico», refere.

Considerando que «as mais-valias são evidentes aos olhos de todos», o provedor da instituição baseia-se em «números recentes da Segurança Social» para lembrar que o concelho «é altamente deficitário» na oferta de lugares em creches.

«Até então, Amares detinha uma oferta de apenas de 30% da necessidade das famílias, ou seja, por 100 crianças que necessitam de lugares em creches apenas havia capacidade para receber 30», assinala.

As obras resultam de um investimento de 750 mil euros na ampliação e requalificação da creche e 250 mil euros na ampliação e requalificação do jardim de infância.

Reportagem completa publicada na edição impressa de Agosto.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS