EDIÇÃO IMPRESSA -
Museu do Cavalo na “Quinta dos Ferrage” é um verdadeiro tesouro no interior de um baú por descobrir

Bem no coração de Amares, em Ferreiros, mora um tesouro bem guardado, de seu nome “Quinta dos Ferrage”. Descoberto e aberto o baú, vemos lá dentro algo que nos desperta logo a atenção. O Museu do Cavalo, assim baptizado pelo proprietário, Manuel Fernando Silva, guarda em si uma rica colecção em que a história se interliga pela paixão aos cavalos e o trabalho do ferro e tantos outros elementos ligados a ambas as temáticas. Segundo o proprietário, que ao longo do tempo foi dotando de mais “artefactos” o dito espaço, o nome surgiu pela paixão que tinha aos cavalos e ao trabalho do ferro, negócio que deixou uma marca bem visível (alcunha) na sua família.

Mais desenvolvimentos na edição impressa de Outubro de 2020, nas bancas.