PAÍS -
Nove detenções por desobediência e mais nove estabelecimentos encerrados

No balanço da operação de fiscalização da PSP e GNR, dando cumprimento às determinações do decreto que renovou o Estado de Emergência, em vigor desde ‪as 00h00 do dia 18, foram detidas até às 17h00 desta quarta-feira mais nove pessoas por crime de desobediência, perfazendo um total de 41 detenções.

Destas, 17 foram por desobediência à obrigação de confinamento obrigatório (mais seis do que terça-feira), 22 por desobediência ao dever geral de recolhimento domiciliário (mais três), uma por desobediência ao encerramento de instalações e estabelecimentos, e uma por desobediência às regras de funcionamento na prestação de serviços.

PUBLICIDADE

No comunicado enviado às redações, o MAI informa ainda que foram encerrados mais nove estabelecimentos por incumprimento das normas estabelecidas. No total, este número é já de 63 estabelecimentos fechados só no terceiro Estado de Emergência.

Lembra a tutela que estes números juntam-se aos verificados nos dois primeiros períodos de Estado de Emergência. No primeiro período, que vigorou entre os dias 22 de Março e 2 de Abril, houve 108 detenções por crime de desobediência e foram encerrados 1.708 estabelecimentos comerciais.

No segundo, que vigorou entre os dias 3 e 17 de Abril, os números subiram ligeiramente, com 184 detenções por crime de desobediência e o encerramento de 432 estabelecimentos comerciais.