DESPORTO - Paulo Gonçalves sofre traumatismo craniano na quinta etapa e abandona Dakar

DESPORTO -
Paulo Gonçalves sofre traumatismo craniano na quinta etapa e abandona Dakar

Paulo Gonçalves não chegará ao final do seu 12.º Dakar. O piloto oficial da Honda sofreu uma queda ao quilómetro 173 e que resultou num pequeno traumatismo craniano e na suspeita da fratura da mão esquerda, acabando por levar Paulo Gonçalves a desistir pela quinta vez na sua carreira no Dakar.

O piloto de Esposende ocupava a oitava posição da geral à partida para a etapa desta sexta-feira que liga Moquegua Tacna a Arequipa, no Peru, segunda parte da etapa maratona, num total de 776 quilómetros, 345 dos quais de especial.

Recorde-se que a presença do piloto português na edição deste ano do Dakar esteve em dúvida, depois de Paulo Gonçalves ter sofrido uma queda no início do mês de Dezembro numa prova do Campeonato Nacional de Rally Raid, que obrigou o piloto da Honda a ser operado para remover o baço.

PUBLICIDADE

Recorde-se que esta é a segunda baixa na equipa da Honda, depois do abandono de Joan Barreda na terceira etapa do Dakar.

Foto: Auto Portal