REGIÃO – Robot ‘inteligente’ da UMinho e IPCA seleccionado para feira de dispositivos médicos na Alemanha

REGIÃO –
Robot ‘inteligente’ da UMinho e IPCA seleccionado para feira de dispositivos médicos na Alemanha

Um robot português que usa um braço equipado com laser para tratar doenças venosas é um dos cinco projectos escolhidos para participar na principal feira de dispositivos médicos, a MEDICA, que esta segunda-feira abriu as portas em Dusseldof, Alemanha.

O aparelho, denominado Laser Navi, tem a assinatura de um consórcio que integra a Universidade do Minho (UMinho), uma empresa na área da robótica, e o Instituto Politécnico do Vale do Ave e do Cávado (IPCA).

PUBLICIDADE

O cirurgião António Lúcio Baptista, em declarações à TSF, explicou que o robot permite tratar com laser doenças venosas. “Estamos a falar de veias conhecidas como derrames, pequenas varizes dos membros inferiores, mas pode ser em qualquer parte do corpo”.

O equipamento é conectado a um braço robótico idêntico aos que se usam na indústria automóvel. “É um braço que pega na peça de laser, ou seja, substitui o médico ou outro profissional nessa função de disparar o laser sobre a pele”, prossegue o cirurgião.

António Lúcio Baptista esclarece ainda que é o próprio robot que “conduz, e tem uma espécie de consola, um touch screen, com o aspecto de um joycestick, que permite ver num ecrã, em realidade aumentada, as veias que nós definimos como sendo as veias a tratar”.

O robot resulta da conjugação de várias tecnologias: laser, robótica e até inteligência artificial. Por ter inteligência artificial incorporada, “ele vai aprendendo e distinguindo as zonas a tratar das zonas a não tratar”, sendo “bastante rigoroso no processo de aprendizagem progressiva”.

O vencedor é conhecido esta quarta-feira.