Em Moimenta e Vilar da VeigaSecretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa inaugura dois espaços do cidadão

Em Moimenta e Vilar da Veiga
Secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa inaugura dois espaços do cidadão

A Secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa, Graça Fonseca, foi a convidada especial da abertura oficial dos dois espaços do Cidadão em Terras de Bouro. Locais que vão facilitar a vida da população porque juntam vários serviços. «Ao mesmo tempo que esperam por uma licença municipal podem renovar a carta de condução ou o cartão do cidadão», referiu a governante. «Estamos a alargar a rede dos espaços cidadão a zonas mais interiores. Nesta altura, em todo o país temos mais de 600 espaços como este, sobretudo, em Concelhos com menos de 20 mil habitantes», revelou ainda Graça Fonseca, elogiando os locais de Terras de Bouro «por juntarem na mesma área serviços centrais e locais».

«Estes serviços de proximidade facilitam a vida das pessoas porque não precisam de se deslocar para os centros urbanos para tratar de documentação» salientando, ainda, Graça Fonseca, o facto de este «ser um óptimo exemplo que o poder local e central se podem entender para levar a bom porto projectos que beneficiam as pessoas». A Secretária de Estado lembrou, ainda, que «os Espaços Cidadão são dos poucos projectos que não foram descontinuados, independentemente do Governo no poder, o que diz bem da sua utilidade, mais-valia e interesse».

O Presidente da Câmara de Terras de Bouro congratulou-se com a materialização destas duas infra-estruturas: «conseguimos concretizar este projecto discutido e votado em Assembleia Municipal. São serviços que vêm acrescentar qualidade de vida às pessoas e são uma resposta para ajudar a fixar população». Cada Espaço terá duas funcionárias afectas. A Câmara não teve qualquer custo com a sua instalação já que foram alvo de candidaturas aprovadas.

PUBLICIDADE

Espaços do Cidadão em Movimento

Graça Fonseca deixou ainda o desafio ao Presidente da Câmara, tendo a zona do Gerês em mente, para juntamente com a CIM-Cávado, aderir aos espaços do Cidadão em Movimento. Carrinhas móveis que se deslocam para zonas mais recônditas dos Concelhos e que prestam os mesmos serviços. O projecto-piloto começou nos Concelhos afectados pelos incêndios, está agora nas regiões do Alentejo e Algarve. «São três viaturas que se podem deslocar e prestar, em zonas dispersas, os serviços dos espaços fixos», explicou Graça Fonseca. «Basta as CIM’s manifestarem interesse em ter estas carrinhas que, coordenando com a entidade gestora, podem descolar-se».

O Presidente da Câmara de Terras de Bouro vê «bons olhos este projecto» mas primeiro «vamos ver que dinâmica têm estes espaços do cidadão. Nós, com a factura da água, enviamos informação à população sobre estes serviços e agora vamos perceber a dinâmica». Manuel Tibo não descarta, no entanto, a unidade móvel, «num futuro e articulado com os Presidente de Junta e sempre inserido na CIM-Cávado, usufruir destas carrinhas».