CULTURA -
Terras de Bouro acolhe projecto de Residências Artísticas

O consórcio Minho Inovação, constituído pelas Comunidades Intermunicipais do Alto Minho, do Cávado e do Ave, lançou sob a marca “Amar o Minho” uma rede de residências artísticas nos seus 24 municípios.

Terras de Bouro acolherá as “Residências Artísticas”, a quem a escritora e jornalista Filipa Martins dará voz e conteúdos, a partir do dia 13 de Outubro.

PUBLICIDADE

O projecto, inédito em Portugal, cria a maior rede de residências artísticas nos 24 municípios representados pelas três CIM da região, numa estratégia concertada que se destina a reforçar a identidade cultural do Minho e a dinamizar o território do ponto de vista artístico e turístico.

O programa inclui artistas, nacionais e estrangeiros, que, até Junho de 2021, vão habitar o território do Cávado e recriá-lo em projectos de arte em espaço público, artesanato, fotografia, música, dança e literatura.