COVID-19 -
Testes passam a ser obrigatórios para eventos grandes e em empresas com mais de 150 trabalhadores

O Governo anunciou esta quarta-feira que vai passar a ser obrigatório fazer testes de diagnóstico à Covid-19 para se ter acesso a eventos desportivos, culturais e familiares, como casamentos e baptizados.

A obrigatoriedade dos testes nestes eventos passa a ser feita a partir de um número de convidados que será determinado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), esclareceu a Ministra de Estado e da Presidência, em conferência de Imprensa.

PUBLICIDADE

Mariana Vieira da Silva avançou que também vai ser necessário fazer testes nas empresas com mais de 150 trabalhadores no mesmo local de trabalho.

A governante referiu que o custo dos testes será suportado pelas empresas e que esta exigência de testagem «depende da determinação da autoridade de saúde que determinará os territórios em que, dado o nível de incidência, evolução ou crescimento, faz sentido, que este controlo seja feito».

«A partir do momento em que a DGS faça sair uma norma que vai dizer qual é o número de pessoas a partir da qual o teste é obrigatório para acesso a esses eventos, os testes vão ser obrigatório para o acesso a essas actividades», finalizou.