SAÚDE -
Congresso Nacional de Medicina Interna arrancou esta quinta-feira em Braga

O 26.º Congresso Nacional de Medicina Interna arrancou esta quinta-feira em Braga, com o tema “Degrau a degrau, construir o futuro!”, num momento em que a pandemia de Covid-19 trouxe a certeza de que «os internistas são essenciais».

Durante o congresso serão apresentadas 242 Comunicações orais, das quais 132 referentes a trabalhos de investigação/casuística. Serão discutidos 319 Posters, havendo para apreciação 996 e-Posters, dos quais 73 referentes à COVID-19, e 391 Imagens em Medicina.

O congresso contará com a colaboração de instituições como a escola de Medicina e o grupo de investigação 3B, da Universidade do Minho, o INL- Instituto Internacional de Nanotecnologia, a Sociedade Espanhola de Medicina Interna e a Federação Europeia de Medicina Interna.

PUBLICIDADE

No congresso têm também participação prevista a Sociedade Mexicana de Medicina Interna e internistas de Angola, Brasil, Cabo Verde e Moçambique.

Os trabalhos arrancaram esta quinta-feira e decorrem até domingo, 30 de Agosto.