Festas em honra de S. Brás entre 2 e 6 de AgostoCortejo etnográfico, espaço jovem e fogo piro-musical novidades nas Festas Concelhias de Terras de Bouro

Festas em honra de S. Brás entre 2 e 6 de Agosto
Cortejo etnográfico, espaço jovem e fogo piro-musical novidades nas Festas Concelhias de Terras de Bouro

São três as novidades das Festas concelhias em honra de S. Brás, em Terras de Bouro, que vão decorrer entre os dias 2 e 6 de Agosto. O cortejo etnográfico concelhio, um espaço jovem e uma sessão de fogo piro-musical vão se juntar às atracções musicais, este ano, a cargo dos GNR, Calema e Hélder Baptista. O Presidente da Câmara espera que «as festas concelhias continuem a ser um pólo de convívio entre os terrabourenses e num mês onde os e(i)migrantes regressam à sua terra». Uma das preocupações de Manuel Tibo foi reduzir o orçamento das festas que, este ano, sofreu um corte. «Quisemos um programa que dignificasse o Concelho, sem entrar em estravagâncias e com custos inferiores a 2017», disse o autarca na conferência de imprensa desta manhã.

O cortejo etnográfico concelhio irá envolver as Associações e Freguesias do Concelho. «Queremos que as nossas Associações e Freguesias participem mostram os usos e costumes das suas gentes. É uma actividade com a qual temos algumas expectativas e que vamos apostar nos próximos anos», revela Manuel Tibo. O espaço jovem ficará situado junto ao campo de futebol e terá animação diária a cargo de DJ’s. A sessão de fogo piro-musical encerra as festividades.

PUBLICIDADE

Segurança

Outro dos aspectos que irá ser melhorado este ano é a questão da segurança com o reforço dos agentes da GNR no terreno. «Queremos umas festas mais seguras e sem problemas. Estivemos reunidos com a GNR, os Bombeiros e a Cruz Vermelha para delinearmos um plano que vá de encontro às necessidades das pessoas e que tornem os espaços festivos, locais de diversão, convívio e encontro entre os terrabourenses.

Programa

No primeiro dia, há “stand-up comedy” com Fernando Rocha e Miguel 7 Estacas. A sexta-feira fica para o Festival Folclórico e para as concertinas. No sábado à tarde, há um cortejo etnográfico pelas 17h00. À noite, actuam os GNR. No dia 5, domingo, o destaque vai para os actos religiosos, que principiam pelas 17h00, com a saída do andor da capela de São Brás rumo à Igreja Paroquial, onde será celebrada missa. No final, sai a procissão.

A segunda-feira, último dia de festa, integra a tradicional corrida de cavalos e as actuações do terrabourense Hélder Baptista e dos Calema. Em todas as noites, haverá “after-party”, vocacionado para os mais jovens, com DJs, no recinto junto ao campo de futebol.