BRAGA

BRAGA -
Costa fala com empresários em Braga antes de abrir Feira de Hannover com Olaf Scholz

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O primeiro-ministro reúne-se a partir de sexta-feira com um conjunto de empresários nacionais que participa na Feira de Hannover, certame que António Costa inaugura juntamente com o seu homólogo alemão, Olaf Scholz, no dia 30.

Num comunicado, o gabinete de António Costa refere que Portugal foi escolhido este ano como país parceiro da ‘Hannover Messe 22’, que decorrerá até 2 de Junho e que é considerada a maior feira industrial do mundo.

O primeiro encontro de António Costa com empresários realiza-se já esta sexta-feira em Braga e junta 42 empresas, das quais 20 do distrito do Porto, 20 de Braga, uma da Guarda e uma de Bragança

PUBLICIDADE

No próximo dia 18, em Aveiro, António Costa vai reunir-se com representantes de 39 empresas, das quais 35 são de Aveiro, duas de Coimbra e duas de Viseu.

Nesta série de encontros, o último ocorre no próximo dia 24, em Sintra, juntando 28 empresas: 17 de Lisboa, nove de Leiria, uma de Santarém e uma de Setúbal.

AFIRMAR INOVAÇÃO NACIONAL

Segundo o gabinete do primeiro-ministro, com estas reuniões “o Governo pretende ouvir os empresários e destacar a importância da presença portuguesa na Hannover Messe´22 – uma oportunidade para afirmar a indústria e a inovação tecnológica nacionais”. 

“Trata-se do maior evento de promoção da indústria nacional da última década”, salienta o comunicado.

Em Hannover, Portugal estará representado por 109 empresas que desenvolvem actividade nas áreas de soluções de engenharia, de energia e ecossistemas digitais, com incidência sobre os sectores dos equipamentos e da metalomecânica, mobilidade, sectores automóvel e aeronáutico, automação e robótica, têxteis e plásticos técnicos, moldes, tecnologias de produção e energias renováveis.

De acordo com os dados do executivona sua última edição presencial, em 2019, a Hannover Messe juntou 6.500 expositores, proporcionou 6,5 milhões de contactos empresariais e recebeu 215 mil visitantes, um terço dos quais envolvidos em projectos de investimento estimados em 52 mil milhões de euros.

A edição deste ano tem como um dos seus lemas ‘Portugal Makes Sense’ e, para o Governo, a participação nacional na Hannover Messe’22 “permitirá apresentar produtos inovadores, captar investidores, criar novas parcerias de negócio e reforçar as exportações”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS