REGIÃO -
Esposende apoia actividade desportiva concelhia com 173 000 euros 

O Município de Esposende vai celebrar Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo com 30 associações desportivas, clubes e escolas do Concelho, «garantindo apoio para a época desportiva 2020/2021», de acordo com deliberação aprovada, por unanimidade, em reunião de Câmara.

Estes contratos-programa representam um investimento «superior a 173 000 euros e revestem-se de especial relevância no desenvolvimento do associativismo desportivo neste contexto de pandemia», em que a sociedade em geral e o desporto, em particular, enfrentam momentos complexos e difíceis.

«Ciente das dificuldades e dos recentes desafios com que as associações e os clubes desportivos se deparam», a Câmara Municipal procura «apoiar as suas actividades, atribuindo esta comparticipação financeira de forma concertada, transparente e equilibrada».

PUBLICIDADE

Na presente época desportiva, o apoio municipal será repartido pela Associação Desportiva de Esposende, Clube Náutico de Fão, Clube Futebol Fão, Hóquei Clube de Fão, Associação Juvenil Desportiva Fintas – Núcleo Esposende, Gandra Futebol Clube, Grupo Cultural Desportivo Recreativo de Gemeses, Futebol Clube de Marinhas, Desportivo e Recreativo Estrelas de Faro, Centro de Intervenção Cultural e Social de Palmeira de Faro – Esposende Surf Team, Centro Social Juventude de Mar, Rio Neiva – Associação de Defesa Ambiente, União Desportiva de Vila Chã, Forjães Sport Clube, Centro Social Juventude Belinho, Associação de Karaté de Apúlia, Taekwondo Clube de Esposende, Clube Hípico do Norte, Equivau, Grupo Desportivo de Apúlia, Bushido AK Esposende, Núcleo Escolar Federado da Escola Básica António Correia Oliveira, Forum Esposendense – Centro Surf de Esposende, Associação Rio, Terra e Mar, Antas Futebol Clube, Associação Desportiva Recreativa Cultural Fonte Boa e Clube Golfe Braga – Quinta da Barca.     

Em nota enviada, o Presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, sublinha a «forte dinâmica desportiva do Concelho», assegurada por mais de meia centena de promotores de prática desportiva, entre oferta associativa e privada, em mais de vinte modalidades.

«Este é o património que não queremos que a pandemia Covid-19 destrua, razão pela qual continuamos a apoiar os agentes desportivos do concelho, de modo a que possam garantir a continuidade das suas atividades neste contexto adverso», frisa.