REGIÃO -
Morreu D. José Pedreira, bispo emérito de Viana do Castelo

O bispo emérito de Viana do Castelo, D. José Pedreira, morreu esta quarta-feira aos 85 anos, disse à Lusa o presidente da Câmara de Valença, concelho de onde o prelado era natural.

Manuel Lopes lamentou a “perda de uma figura carismática” do concelho, natural da freguesia de Gondomil.

“É um filho da terra, era uma pessoa muito ligada à terra. É uma grande perda para Valença e para Gondomil. Era uma pessoa muito estimada”, referiu o autarca.

PUBLICIDADE

A Lusa contactou a diocese de Viana do Castelo que remeteu para mais tarde uma posição oficial sobre o assunto.

Manuel Lopes adiantou que, “D. José Pedreira morreu no hospital de Braga, onde se encontrava internado”.

D. José Pedreira foi bispo da diocese de Viana do Castelo entre 1997 e 2010.

Foi ordenado sacerdote a 12 de Julho de 1959. Em 1982 foi nomeado bispo-auxiliar do Porto, com o título de bispo-titular de Elvas.

A ordenação episcopal decorreu a 19 de Março de 1983, tendo como principal consagrante D. Armindo Lopes Coelho, na altura recentemente nomeado bispo de Viana do Castelo, e como consagrantes, D. Eurico Dias Nogueira, arcebispo de Braga e D. Júlio Tavares Rebimbas, arcebispo do Porto.

A 29 de Outubro de 1997 foi nomeado bispo de Viana do Castelo, cargo onde se manteve até ao seu pedido de resignação e consequente nomeação de D. Anacleto Oliveira, entretanto falecido.

O bispo de Viana do Castelo, Anacleto Oliveira, morreu em Setembro, aos 74 anos, na sequência do despiste do automóvel que conduzia na Auto-estrada do Sul perto de Almodôvar, no distrito de Beja.