AMARES

AMARES -
Município mantém a aposta na melhoria contínua da Educação para «um futuro promissor»

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Neste ano lectivo que agora se inicia, a Câmara Municipal de Amares anunciou a continuidade das medidas que têm sido desenvolvidas pelo executivo ao longo dos últimos anos, no sentido da melhoria contínua da Educação.

O presidente da autarquia, Manuel Moreira, realçou o papel de todos aqueles que trabalham para proporcionar as melhores condições de ensino e aprendizagem.

«As políticas educativas devem promover o desenvolvimento assente na construção de uma escola onde cada um encontre condições para crescer a todos os níveis. A criação de condições físicas e humanas é fundamental», sublinhou o edil.

PUBLICIDADE

Manuel Moreira agradeceu «a todos que que trabalham com empenho e dedicação para o sucesso da escola como um todo» e referiu que a escola «são são pessoas e vidas que dão rosto e marcam relações de proximidade que caracterizam» o concelho.

«Espero que este seja um ano com muitas conquistas para os nossos alunos e toda a comunidade educativa», acrescentou.

No que diz respeito ao pacote de medidas de apoio ao ensino promovidas pela Câmara Municipal, todos os alunos do 1.º ciclo dos centros escolares do concelho tiveram acesso aos livros de actividades gratuitamente, uma oferta cujo investimento por parte da autarquia ascendeu aos 21 mil euros, enquanto que o material escolar foi garantido aos alunos que beneficiam de medidas de apoio social.

Independentemente das condições sócio-económicas, o transporte escolar continuará a ser gratuito para o universo dos 1300 alunos, desde o pré-escolar até ao 12.º ano de escolaridade, afectando verbas na ordem dos 420 mil euros.

Para além disso, «a qualidade das refeições escolares continua a ser uma bandeira e uma aposta do executivo amarense», sendo que todas as cantinas dos Centros Escolares do 1.º Ciclo de Amares vão confecionar as refeições para as crianças do pré-escolar e primeiro ciclo.

A abertura destes espaços, desde 2014, permitiu que todas as crianças que frequentam qualquer um dos centros escolares comam refeições preparadas no momento, supervisionadas por duas técnicas da área alimentar (Nutricionista e Engenheira Alimentar e da Qualidade), garantindo a toda a comunidade educativa refeições saudáveis, adequadas às necessidades nutricionais.

No arranque do ano, o presidente da Câmara anunciou que em breve todos os Parques Infantis dos Centros Escolares vão ser intervencionados, no sentido de proporcionar melhores condições lúdicas às crianças.

Por fim, é esperado ainda que a candidatura para as obras da Escola Secundária seja uma realidade em breve

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS