REGIÃO -
Dragagens na barra de Esposende só em 2021, diz Governo

O ministro do Mar reconheceu que as “eventuais” dragagens na barra de Esposende “são apenas expectáveis para o próximo ano”, afirmou o ministro do Mar em resposta ao deputado do PSD Jorge Paulo Oliveira no debate, na especialidade, do Orçamento do Estado para 2021.

No debate, o deputado social-democrata, eleito pelo círculo de Braga, lembrou ao ministro Ricardo Serrão Santos que a actividade piscatória naquele município “assume uma especial importância para um elevado número de famílias, seja como base laboral, seja como complemento de sustento, pelo que o assoreamento da barra coloca elevadas dificuldades de acesso ao mar”.

“Apesar dos investimentos feitos ao longo das últimas duas décadas, muitos da própria Câmara Municipal de Esposende, os mesmos não conferiram de todo as condições ideais para a navegabilidade do canal do rio Cávado, bem como no acesso às docas de recreio e de pesca”, salientou o parlamentar.

PUBLICIDADE

Em resposta, o membro do Governo, citado por Jorge Paulo Oliveira, afirmou que “apenas que era expectável a realização de dragagens no próximo ano”. 

 

Legenda: Intervenção na barra de Esposende em 2017