REGIÃO -
Guimarães aumenta para 60 número de camas covid-19 de rectaguarda

A capacidade da estrutura municipal de retaguarda de Guimarães para doentes covid-19, instalada no Seminário do Verbo Divino, vai subir de 42 para 60 camas, anunciou o município.

Em comunicado, o município refere que o reforço de camas surgiu após uma reunião no Hospital Senhora da Oliveira, com a equipa coordenadora de médicos e enfermeiros que está a lidar localmente com a pandemia.

Nessa reunião, foi apresentada a necessidade do aumento de resposta da estrutura para 60 camas, tendo o presidente da Câmara e da Protecção Civil municipal, Domingos Bragança, assegurado “toda a disponibilidade para o apoio imediato” para a contratação de mais médicos e de enfermeiros.

PUBLICIDADE

A contratação acontecerá ao abrigo de uma parceria com a Autoridade Nacional de Protecção Civil, ajudando a libertar camas da área covid do hospital.

A Câmara garante o fornecimento das refeições, a higienização e a segurança da estrutura, assim como os recursos humanos de apoio ao funcionamento, com o apoio médico do Hospital de Guimarães e Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alto Ave.

 

Legenda: Domingos Bragança em visita ao Hospital de Guimarães